Home / Guias na Europa / Inglaterra / Onde comer em Londres

Onde comer em Londres

O cenário gastronômico de Londres evolui tão rápido, é difícil acompanhar. Em um momento tudo se resume aos melhores restaurantes do Covent Garden, em seguida, ficamos todos em cima dos novos restaurantes descolados de East London. Novas tendências – restaurantes sem reservas, gastronomia molecular, fast food chique – mantenha os elementos sempre frescos.
Mesmo a cena de jantares finos é dinâmica, com os chefs-celebridade abrindo restaurantes cada vez mais inventivos e novos talentos emergindo o tempo todo, ganhando para a cidade uma reputação de ter alguns dos melhores restaurantes do mundo. As mesas de melhor valor são reservadas no horário de almoço, quando os restaurantes com estrela Michelin oferecem cardápios por menos de 30 libras.
Os melhores hotéis superam-se todos os anos com os chás da tarde mais saborosos que você provar, e quando o sol aparece, os bares nos telhados se agitam com as vibrações do verão. Quando não está ensolarado, uma prova da velha Londres pode ser encontrado no subsolo, em bares secretos e nos palácios de gin de tempos passados.
Leia sobre os ambientes gastrônomicos mais badalados em nossa coluna mensal nos melhores restaurantes de Londres agora.

MAYFAIR

BRASSERIE CHAVOT
O patrono e chef Eric Chavot, dirigiu a cozinha no restaurante com duas estrelas Michelin, The Capital, em Knightsbridge, antes de perceber que o seu sonho era abrir uma brasserie. Os pratos de destaque incluem caracóis em rico molho cobertos com espuma de batata, tão leve que não conseguimos dizer o que era – uma espécie de torta de caracol, segundo Chavot – e um prato de bacalhau assado bem carnudo servido com saborosas lentilhas Puy.
41 Conduit Street, Mayfair, W1 ( +44 20 7183 6425; brasseriechavot.com)

BENARES
O chef-proprietário Atul Kochhar fez seu nome no restaurante londrino vizinho Tamarind, onde ele assegurou uma estrela Michelin por sua inovadora e sutil versão da comida indiana. Inspirado na cidade sagrada de mesmo nome, Benares fica abrigado num ambiente tranquilo e elegante na Berkeley Square House. Os pratos muito elogiados são delicados e saborosos, com uma boa seleção de peixes, opções vegetarianas e de carnes para pratos principais, incluindo lagosta Goan e curry de camarão, pernil de cordeiro com coentro e pimentas e um suculento frango assado Tandoori. O serviço atinge o equilíbrio certo entre o atencioso e o subserviente.
12 Berkeley Square, W1 ( +44 20 7629 8886; benaresrestaurant.com)

CHINA TANG
A entrada separada em Park Lane conduz diretamente ao andar de baixo para uma jóia da Art Deco, resplandecente com luzes brilhantes, fotografias monocromáticas e couro rico, trazido a você pelo extravagante empresário e extraordinário socialite chinês, David Tang. Esse deve ser um dos mais belos cenários de restaurante de Londres, que lembra a suntuosa Xangai da década de 1920. E a comida é, como seria de esperar em tais ambientes e a esses preços, extremamente boa. Embora a decoração seja ornamentada e extravagante (pense que as gaiolas antigas preenchidas com cristais Swarovski, taças de vinho boêmias feitas de cristal e estantes repletas de primeiras edições), os pratos permanecem bastante simples. O menu trabalha com o leque gastronômico cantonês popular. Pratos de estilo familiar (pés de frango, congee de arroz, costeleta de porco assada e arroz) ficam ao lado de clássicos de restaurantes como pato de Pequim, abalone assado e lagosta salteada. Há vegetais folhosos, arroz e macarrão fritos e também um menu dim sum separado, igualmente bom, pelo qual você pode começar sua refeição, se desejar. Para um verdadeiro deleite, o clássico pato de Pequim, montado em sua mesa, é excepcional.
O Dorchester, Park Lane, W1 ( +44 20 7629 9988; dorchestercollection.com)

GALVIN AT WINDOWS
O chef-gerente Chris Galvin serve comida francesa moderna em seu restaurante com estrela Michelin no último andar do hotel Hilton em Park Lane. Os destaques incluem uma entrada de lagostins escoceses assados com barriga de porco em cozimento lento em uma cama de purê de couve-flor e filé de badejo Guernsey, servido com erva-doce refogada, alcachofra de Jerusalém e perfume de pinot noir. A legítima lista de vinhos é melhor apreciada através da taça.
28th Floor London Hilton, 22 Park Lane, W1 ( +44 0 7208 4021; hilton.co.uk)

NOBU BERKELEY ST
À noite, Nobu se agita com uma multidão antenada na moda, que quer ver e ser vista, e o bar serve até as 2 da manhã. Peça o ousado drinque de assinatura, o Matsuhisa Martini – gin Wyborowa, saquê Hokusetsu, gengibre fresco e pepino – no bar do andar de baixo. Em seguida, vá para o restaurante principal para provar clássicos como o sashimi de olho-de-boi com jalapeño, toro maçaricado com miso yuzo e molho de jalapeño, tempura de camarão-pedra e barriga de porco picante, cozido no forno a lenha.
15 Berkeley Street, Londres W1 ( +44 20 7290 9222; noburestaurants.com)

POLLEN STREET SOCIAL
O restaurante com estrela Michelin de Jason Artherton, em Mayfair, prova que as refeições finas podem ser relaxadas. Prove um whisky azedo no bar antes de ir ao restaurante repleto de arte. O cardápio é sazonal e inclui especialidades britânicas, como bochecha de boi de West Country – refogado e servido com cevadinha, alcachofra grelhada e caldo de dashi – e vieiras do mar de Orkney. Guarde espaço para pegar do carrinho de queijo (Colston Bassett é imperdível). O menu de almoço definido tem o preço razoável de 37 libras para uma refeição de três pratos. 8-10 Pollen Street ( +44 20 7290 7600; pollenstreetsocial.com)

TAMARIND
O sofisticado ambiente colorido em bronze compõe um cenário animado para desfrutar da comida saborosa e sutil criada pelo chef executivo Alfred Prasad no restaurante com estrela Michelin, Tamarind. Para começar, os vieiras grelhadas temperadas com grãos de pimenta verdes, vermelhas e pretas e salpicadas com pimentas assadas são excepcionalmente boas. Os principais pratos incluem carnes e peixe cozidos no tandoor, uma boa seleção de curry e excelentes opções vegetarianas, de quiabo, grão de bico e picles de cebolas com cominho, gengibre, tomates e especiarias até lentilhas pretas lentamente cozidas com feijão vermelho, channa dal e pimenta chili verde. As sobremesas variam desde o universal porém delicioso kulfi indiano até um exótico abacaxi grelhado no tandoor, marinado com erva-doce e anis estrelado, servido com sorvete de pétala de rosa.
20 Queen Street, W1 ( +44 20 7629 3561; tamarindrestaurant.com)

THE GRILL NO DORCHESTER HOTEL
O Grill é uma instituição londrina. Está lá desde que o hotel abriu, em 1931, e só foi modificado três vezes desde então. O menu muito amado está nas mãos habilidosas do protegido de Alain Ducasse, Christophe Marleix, que manteve todos os clássicos (sopa de lagosta de assinatura, qualquer coisa grelhada) e adicionou alguns floreios gálicos dele mesmo (o soberbo soufflé de chocolate acima de tudo).
The Dorchester Hotel, 53 Park Lane, Londres W1 ( +44 20 7317 6531; dorchestercollection.com)

SKETCH
Bar, sala de chá, brasserie, biblioteca, galeria de arte e o autoproclamado restaurante mais caro em Londres, Sketch é uma variedade de coisas fabulosas. Possui um interior super estiloso que varia de minimalista a desordem eclética, atualizado regularmente com obras de arte e instalações. A cozinha, originalmente projetada pelo chef francês Pierre Gagnaire, é excepcional, e um jantar para dois no restaurante Lecture Room pode chegar a várias centenas de libras.
9 Conduit Street, W1 ( +44 20 7659 4500; sketch.uk.com)

BENTLEY’S OYSTER BAR & GRILL
Este restaurante de frutos do mar tem sido uma instituição do Piccadilly desde que abriu em 1916, e ainda é o lugar em Londres para se deliciar com ostras nativas (a temporada começa em setembro). Os pratos sazonais podem incluir abacate picante assado com um ovo no meio e lulas crocantes no lado, trutas selvagens do mar com beterrabas e rabanetes, e uma sobremesa cremosa de framboesa e chocolate branco.
11-15 Swallow Street, London W1 ( +44 20 7734 4756; bentleys.org)
Leia a revisão completa >>

SOHO

HOPPERS
“Hoppers” são as tigelas de panqueca comestíveis usadas para servir comida de rua no Sri Lanka e Tamil Nadu, que é o esse pequeno restaurante do Soho serve. É de propriedade dos Sethis, família responsável pelos restaurantes com estrela Michelin, Gymkhana e Trishna. Sofisticado não é. Mas este é o objetivo. As vasilhas maravilhosas (panquecas de arroz fermentado e leite de coco) são ao mesmo tempo esponjosos e crocantes; peça com um ovo e todos os extras (pol sambal, seeni sambol e chutney de coentro) e parta para cima.
49 Frith Street, Soho, Londres W1 (hopperslondon.com)
Leia a revisão completa >>

LIMA
O chef e proprietário, Virgilio Martinez, usa ingredientes como sementes de chia, quinoa e cacau em seus pratos coloridos e artisticamente apresentados no primeiro restaurante peruano com estrela Michelin de Londres. Não perca o tiradito do peixe-espada com beterrabas e quinoa preta e o sedoso ceviche de badejo com abacate, leite de tigre amarelo e milho. O menu de almoço definido é notável pelo seu valor de 25 libras por refeições de três pratos. 31 Rathbone Place (020 3002 2640; limalondongroup.com)

POLPETTO
Quando o Polpo do Soho abriu, rapidamente tornou-se um lançador de tendências na cena de restaurantes de Londres (pequenos pratos, sem reservas) – e o império dos restaurantes de Russell Norman continua a crescer. Polpetto segue o original, mas tem suas próprias peculiaridades. O menu inclui pratos de partilha venezianos com alguns pratos familiares para os fãs do Polpo (coelho pappardelle, arancino ciccheti), bem como uma característica pizzette de almôndega picante e crocante caranguejo de concha macia em uma massa de parmesão absurdamente queijosa.
11 Berwick Street, Soho, Londres W1 ( +44 20 7439 8627; polpetto.co.uk)
Leia a revisão completa >>

ZELMAN MEATS
Neste restaurante do mestre da carne Mikhail Zelman (Goodman, Beast, Burger & Lobster) tudo gira em torno da carne – mas com uma abordagem mais relaxada na preparação do que o Goodman (sem cura a seco aqui) e apenas três cortes disponíveis a cada dia. Na calma St Anne’s Court, o restaurante apresenta uma decoração em estilo industrial com assentos em couro vermelho, luzes em estilo de fábrica penduradas e menus em quadros negros enormes. Os cortes diários podem ser encomendados em porções de 100 gramas, por isso vale a pena tentar um pouco de cada um.
2 St Anne’s Court, Soho, Londres W1 ( +44 20 7437 0566; zelmanmeats.com)
Leia a revisão completa >>

ROUX AT THE LANDAU
O famoso designer de interiores, David Collins, foi contratado para renovar o restaurante e bar no hotel Langham, referência de Londres. O bar reabriu em dezembro de 2006, seguido do restaurante no verão de 2007. O Landau (um antigo salão) continua o tema oriental moderno. Para chegar aqui, você passa por um impressionante corredor de vinhos abobadado e coberto de tijolos, onde você pode procurar numa seleção de vinhos raros e incomuns exibidos em armários de vidro luminosos. O cozinheiro chefe, Andrew Turner, cria comida européia moderna em estilo de tapas. Opte por um menu de degustação, que permite que você prove pequenas porções dos melhores pratos do chef Turner.
1c Portland Place, Regent Street, Ftizrovia, Londres W1 ( +44 20 7636 1000; london.langhamhotels.co.uk)

PIED A TERRE
Este restaurante com estrela Michelin tem todos os elementos de um restaurante francês clássico sem o exagero. Na cozinha, o cozinheiro chefe Marcus Eaves cozinha com ingredientes inesperados, talento e sofisticação. Pratos de destaque incluem vieiras com camarão vermelho, erva doce de yuzu e rabanete melancia, e peito de pato defumado com uma salada de vegetais de inverno, maionese de alho e cogumelos shitake.
34 Charlotte Street, Londres W1 ( +44 20 7636 1178; pied-a-terre.co.uk)

BERNERS TAVERN NA EDIÇÃO DE LONDRES
O Berners Tavern, do Jason Atherton, é o coração do hotel. Junto com o Punch Room, bar de coquetéis do saguão, com painéis de carvalho e que aceita apenas reservas e a casa noturna Basement, tornou-se o novo local de encontro mais atraente de Londres.
10 Berners Street, Londres W1 ( +44 20 7781 0000; edition-hotels.marriott.com)

NORTE DE LONDRES

PLUM + SPILT MILK NO GREAT NORTHERN HOTEL
Uma pequena sala de jantar celestial com banquetas curvas de couro creme e tampos de mesa envernizados com resina iluminados por luzes pendentes de vidro soprado. O Chef Mark Sargeant (anteriormente do Claridge de Gordon Ramsay) produz clássicos britânicos atualizados, como um sensacional frango Goosenargh assado para dois.
Estação Kings Cross St Pancras, Pancras Road, Londres N1 ( +44 20 3388 0818; plumandspiltmilk.com)
Leia a revisão completa >>

LONDRES ORIENTAL

TYPING ROOM
O Chef Lee Westcott veio disposto do 22 Ships de Jason Atherton em Hong Kong para dirigir o Typing Room como seu primeiro empreendimento solo. De uma cozinha aberta na sala elegante que antigamente zumbia com as datilógrafas preparando todas as comunicações para a prefeitura original, sua equipe ocupada coreógrafa um menu de pratos lindamente simples e cheios de sabor.
Hotel Bethnal Green Town Hall, Patriot Square, Bethnal Green, Londres E2 ( +44 20 7871 0461; typingroom.com)

LYLE’S
Lyle’s é muito mais do que uma continuação do St John Bread and Wine, onde o chef James Lowe e o co-proprietário John Ogier uniram suas forças. Chefs trabalham a vista de todos em uma grelha de carvão; o espaço é harmonioso, mas sem arte, sem música – apenas o zumbido alegre das pessoas sendo bem cuidadas.
Tea Building, 56 Shoreditch High Street, Shoreditch, Londres E1 ( +44 20 3011 5911; lyleslondon.com)
Leia a revisão completa >>

ST JOHN BREAD AND WINE
St John Bread & Wine, o restaurante que Fergus Henderson abriu com Trevor Gulliver em 2003, é um dos melhores exemplos de cozinha que utiliza os ingredientes por completo. O cardápio pode incluir pele crocante do porco e estragão, codornas e aioli, coração de boi e raiz forte, onglet, linguado e arraia. Madeleines são feitas sob encomenda, e o sanduíche de bacon Old Spot é um favorito de todos os tempos para o brunch. A lista de vinhos ferozmente francófila é encabeçada pelo vinho do próprio St John, Minervois.
94-96 Commercial Street, Shoreditch, Londres E1 ( +44 20 7251 0848; stjohngroup.uk.com)
Leia a revisão completa >>

CLOVE CLUB
Antes de se tornar um restaurante com estrela Michelin amado pelo público descolado, o Clove Club era um clube de jantar sensacional. Agora, 47 libras compram um dos melhores menus de degustação da cidade. Pegue um lugar no bar para provar petiscos populares, como frango com leite de manteiga e sal de pinho, seu próprio pão e charcutaria e coquetéis brilhantes.
Câmara Municipal de Shoreditch, 380 Old Street, Old Street, Londres ( +44 20 7729 6496; thecloveclub.com)
Leia a revisão completa >>

HOI POLLOI NO ACE HOTEL DE LONDRES
A brasserie Hoi Polloi do Ace Hotel – pelos jovens do Bistrotheque – tem uma atmosfera de boa ocasião, com vivas mesas de crianças de Shoreditch e garçons que parecem descolados sem fazer esforço, vestidos com moletons verde-menta da Sibling e calçados com Nike Air Max cinza. Quando você escolhe o que comer (a salada de caranguejo é cheia de energia), acompanhe as novidades da moda impressas na parte de trás do menu.
100 Shoreditch High Street, Shoreditch, Londres E1 ( +44 20 7613 9800; acehotel.com)
Leia a revisão completa >>

MERCHANTS TAVERN
Em associação com os fundadores do Canteen e do ex-maitre do St John, Thomas Blythe, Angela Hartnett e seu parceiro Neil Borthwick assumiram o piso térreo de um armazém vitoriano no triângulo de Shoreditch e criaram o Merchants Tavern. O menu europeu moderno inclui codornas assadas com pesto de avelã, remoulade e foie gras.
35-42 Charlotte Road, Shoreditch, Londres EC2 ( +44 20 7060 5335; merchantstavern.co.uk)

LARDO
A calorosa recepção e a comida tranquila fazem de Lardo o melhor local em Dalston. Peça o lardo curado – tiras finas como bolachas de gordura de porco doce e translúcida – derretidas sobre uma pizza do forno a lenha.
205 Richmond Road, Dalston, Londres E8 ( +44 20 8985 2683; lardo.co.uk

TOWPATH CAFE
Espremido entre duas áreas de armazenamento rasas em um trecho pouco promissor do Union Canal, perto do Parque Victoria, o Towpath é uma prova de que se você fizer algo bom o suficiente, as pessoas vão encontrá-lo. Ele serve dois ou três pratos impecavelmente sazonais por dia e tem uma máquina de Mr. Whippy cheia de creme de sorvete autêntico.
36 De Beauvoir Crescent, Hoxton, Londres N1 (towpathcafe.wordpress.com)

LONDRES OCIDENTAL

RESTAURANTE GORDON RAMSAY
A reserva é essencial para este restaurante com três estrelas Michelin – com pelo menos um mês de antecedência. A comida é lendária e, embora o Sr. Ramsay esteja expandindo seu império de restaurantes, os padrões em seu número um não caíram.
68-69 Royal Hospital Road, Chelsea, SW3 ( +44 20 7352 4441; restaurantgordonramsay.com)

RABBIT
O segundo restaurante dos irmãos Gladwin (eles possuem o The Shed em Notting Hill) usa produtos frescos de Nutbourne, a fazenda familiar em West Sussex. Rabbit visa o estilo caipira, com pedaços de maquinaria pesada como decoração e funcionários vestidos como fazendeiros. A comida, no entanto, é urbana: pratos compartilhados lindamente apresentados (cordeiro mal passado com puré de abóbora hokkaido, ravioli de coelho, sorvete de alcachofra de jerusalem) são servidos com vinho branco fresco do seu próprio vinhedo.
172 King’s Road, Chelsea, Londres SW3 ( +44 20 3750 0172; rabbit-restaurant.com)

BUMPKIN NOTTING HILL
O restaurante com ar campestre Bumpkin é distribuído em três andares, com uma sala de jantar informal e uma delicatessen “take-away”, que funcionam o dia todo no agitado térreo, um restaurante mais refinado no primeiro andar e uma sala privada no último andar. Os menus são semelhantes, embora o primeiro andar seja mais elegante. A cozinha usa produtos orgânicos e Fairtrade sempre que possível, e apresenta o melhor da cozinha britânica.
209 Westbourne Park Road, Notting Hill, Londres ( +44 20 7594 4944; bumpkinuk.com)

DOCK KITCHEN
Em um canto inesperado do Grand Union Canal, o restaurante de Stevie Parle é algo completamente diferente. Parle descreve a comida como cozinha caseira, e suas receitas são inspiradas em lares de todo o mundo. É fresco e moderno e excitante; produtos de alta qualidade produzidos na Grã-Bretanha – vacas de Hereford, peixe da Cornualha – são combinados com os ingredientes mais exóticos da Índia até a Argentina.
Portobello Dock, 342 Ladbroke Grove, W10 ( +44 20 8962 1610; dockkitchen.co.uk)

THE BELVEDERE
Um estouro no centro do parque Holland, este estabelecimento oferece consistentemente aos clientes uma experiência suntuosa em um elegante ambiente parisiense. O Chef Billy Reid serve um menu moderno e em estilo de brasserie sob a supervisão de Marco Pierre White. Ótimo para bebidas ao ar livre durante o verão, ouvindo a fonte e observando os pavões desfilarem sobre o gramado.
Holland House, Abbotsbury Road, Holland Park, Londres W8 ( +44 20 7602 1238; belvedererestaurant.co.uk)

BIBENDUM
Inaugurado em 1987 por Sir Terence Conran, o eterno favorito Bibendum ainda impressiona. A espaçosa sala de jantar elegantemente planejada do primeiro andar apresenta vastas janelas de vitrais que adicionam um toque de cores bem-vindo. O cozinheiro chefe Matthew Harris produz o estilo de comida francesa simples e moderna adotada pelo chef fundador Simon Hopkinson. Espere ver pratos como a terrine de foie gras com geléia de Armagnac, vieiras grelhadas com ervilha e risoto de hortelã, filé au poivre e crème brûlée.
Michelin House, 81 Fulham Road, South Kensington, Londres SW3 ( +44 20 7581 5817; bibendum.co.uk)

ZAFFERANO
O restaurante com estrela Michelin, Zafferano, produz excelente comida italiana da mais alta qualidade, juntamente com um serviço fantástico. Não se deixe enganar pelo interior falso-rústico – este lugar é tão chique quanto possível. O Chef Andrew Needham criou uma experiência gastronômica memorável: o espaguete com lagostins e lagosta é leve e saboroso. Há um menu de temporada dedicado a trufas brancas.
15 Lowndes Street, Belgravia, SW1 ( +44 20 7235 5800; zafferanorestaurant.com)

RIVER CAFÉ
O River Café ganhou para si uma reputação agora lendária e inspirou muitos jovens chefs. O restaurante de inspiração toscana em Hammersmith é mais famoso pelo seu bolo “nemesis” de chocolate e os ingredientes autênticos italianos.
Thames Wharf, Rainville Road, Londres W6 ( +44 20 7386 4200; rivercafe.co.uk)
Leia a revisão completa >>

COVENT GARDEN

CAFÉ MURANO
A sequência do Covent Garden ao primeiro Café Murano de Angela Hartnett, ao virar da esquina do Ritz, tem Richard Lloyd como cozinheiro chefe e um conjunto de novas receitas, como agnoletti recheado com galinha d’angola, tiradas de viagens pela Itália. O vizinho pastaficio está aberto a maior parte do dia para os cafés stand-up, macarrão fresco e seu próprio azeite de oliva extra-virgem de Hartnett.
33 St James’s St, Covent Garden, Londres SW1 ( +44 20 3371 5559; cafemurano.co.uk)
Leia a revisão completa >>

J SHEEKEY
Em uma rua secundária em Covent Garden, o restaurante a moda antiga J Sheekey prepara porções sensacionais de arinca frita para a atores e atrizes muito famosos.
28-32 St Martin’s Court, Covent Garden, Londres WC2 ( +44 20 7240 2565; j-sheekey.co.uk)

TOM’S KITCHEN NA SOMERSET HOUSE
O chef com estrela Michelin, Tom Aikens, expandiu seu império do enorme e cobiçado Tom’s Kitchen Chelsea para incluir uma base na Somerset House. O menu aqui é o mesmo do restaurante Chelsea, o que significa que os produtos britânicos mais frescos são usados em tudo. Os destaques incluem cordeiro Daylesford confitado por sete horas com cebolas balsâmicas e purê, e meunière de badejo com azeitonas pretas e tomates. Para pudim: hot pot de chocolate com sorvete de pistache, baked alaska e a tábua de queijos do Tom’s Kitchen servida com pasta de marmelo e biscoitos. O restaurante também está aberto para o café da manhã e é um excelente local para o brunch aos sábados.
Somerset House, The Strand, Covent Garden, WC2 ( +44 20 7845 4646; tomskitchen.co.uk)

NA CIDADE DE LONDRES (CENTRO)

MODERN PANTRY EM FINSBURY SQUARE
O restaurante que acompanha o original Modern Pantry de Anna Hansen em Clerkenwell é alegre e ousado: preste atenção ao tamarindo e o açafrão onde você menos espera. O restaurante é um excelente local para brunch também, com pratos como a masala de beterraba Kashmiri, picado de cenoura e batata com ovos fritos e miso hollandaise.
Alphabeta Building, 18, Triton Court, Finsbury Square, Cidade de Londres, EC2 ( +44 20 3696 6565; themodernpantry.co.uk)
Leia a revisão completa >>

SUSHI SAMBA
O menu que combina a culinária japonesa, peruana e brasileira inclui pratos singulares, como o peixe olho-de-boi e jalapeño. Beba na sensacional vista do 39º andar: o Gherkin fica quase perto o suficiente para jogar um Martini sobre ele.
Torre Heron, 110 Bishopsgate, Londres EC2 ( +44 20 3640 7330; sushisamba.com)

Sobre Europeando

O site Europeando é feito para aqueles que querem fazer da sua viagem para Eruopa algo inesquecível. Eu, Hugo Pereira, selecionei item por item que vão de restaurantes, a museus, a principais atrações e claro, cada cidade que eu compartilho aqui com você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *